Economia

Prejuízo da Embraer foi de R$ 649 milhões no 3º trimestre

Perdas mais que dobraram em 1 ano A margem bruta caiu para 7,3%


bookmark_borderBRASIL ECONOMIA date_range10 Nov 2020 - 08h53 personPODER 360

Embraer –fabricante brasileiras de aeronaves– registrou prejuízo líquido de R$ 649 milhões no 3º trimestre de 2020. As perdas mais que dobraram em comparação com o mesmo período do ano passado. O balanço financeiro foi divulgado pela empresa nesta 3ª feira (10.nov.2020). Eis a íntegra (3 MB).



No 3º trimestre de 2019, a empresa havia apresentado prejuízo de R$ 314,5 milhões.

O resultado se deve aos efeitos do isolamento das pessoas durante a pandemia de covid-19 e também ao fim dos negócios com a Boeing. A interrupção da aquisição resultou na queda significativa da produção de aeronaves.



A receita líquida do 3º trimestre recuou 12,8%, aos R$ 4,09 bilhões. A margem bruta –resultado das vendas depois dos custos sobre a receita– passou de 13,2% para 7,3%.



 



 



A Embraer teve prejuízo de R$ 3,608 bilhões no acumulado de 2020. No mesmo período de 2019, as perdas eram de R$ 449 milhões.



No Ibovespa, principal índice da B3 (Bolsa de Valores de São Paulo), as ações da EMBR3 caiam 0,94% às 10h13.



A empresa tem mais de 16.000 funcionários no país.