AGRICULTURA

CRIADORES DE RONDÔNIA CONTAM COM CERCA DE 900 TONELADAS DE MILHO NO PROVB


bookmark_borderBRASIL AGRICULTURA date_range06 Abr 2020 - 06h45 person Agrolink

Criadores rurais de animais de pequeno porte  e micro agroindústrias de Rondônia podem contar com um estoque de cerca de 900 toneladasOs criadores rurais de animais de pequeno porte  e micro agroindústrias de Rondônia podem contar com um estoque de cerca de 900 toneladas de milho como apoio à atividade. O cereal integra os estoques públicos do governo federal, comercializado pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), por meio do Programa de Vendas em Balcão (ProVB).



A partir desta semana, a saca de 60 quilos do produto será comercializada entre R$ 56,90 na unidade armazenadora da Conab na capital, Porto Velho, e R$ 53,64 no município de Cacoal.



Os valores são reavaliados a cada 15 dias, de acordo com o comportamento do mercado na região atendida.Devido à situação de enfrentamento da pandemia do coronavírus, as vendas do produto

ocorrem de acordo com o Plano de Contingência da Companhia, para salvaguardar a integridade dos empregados e produtores envolvidos. Com isso, evita-se o contato social e garante o abastecimento alimentar, ao apoiar e manter a produção da proteína animal no estado.



O maior estoque encontra-se na unidade armazenadora da Conab emCacoal. O armazém conta com aproximadamente 707 toneladas do grão e atende criadores da própria cidade e dos municípios em volta, como Espigão do Oeste, Ministro Andreazza, Pimenta Bueno e Presidente Médici. Até o dia 26 de março, o programa teve registro de 197 acessos, que resultaram na venda de 119,4 toneladas de milho nesta unidade. Já em Porto Velho, o armazém detém um estoque de cerca de 192 toneladas de milho. Com 310 acessos até a semana passada, foram comercializadas aproximadamente 144,6 toneladas. Vale lembrar que a unidade atende produtores da capital e dos municípios circunvizinhos, como Candeias do Jamari, Itapuã D’Oeste, Guajará Mirim e Canutama que pertence ao estado do Amazonas.



O Programa de Vendas em Balcão tem como objetivo permitir aos pequenos criadores o acesso aos estoques públicos, em igualdade de condições oferecidas aos médios e grandes produtores e avicultores, os quais acessam esses estoques por meio de leilões públicos. O criador que deseja participar do programa deve realizar previamente seu registro no Sistema de Cadastro Nacional de Produtores Rurais (Sican), disponível no portal da Conab. Para mais informações durante o período de quarentena, solicita-se entrar em contato com as unidades armazenadoras em Porto Velho e Cacoal, nos telefones (69) 2182-1649 e (69) 3441-1248, respectivamente.